Escolha uma Página
Cuidados com os dentes na gravidez

Cuidados com os dentes na gravidez

Assim que descobrir que está grávida, é fundamental que, além do pré-natal com o obstetra, a mulher faça também um pré-natal odontológico para que a saúde bucal da gestante seja mantida.

Isso mesmo! A boca é uma importante porta de entrada de várias doenças, e não deve ser desassociada da saúde do organismo da mamãe e do bebê. Então acompanhe essas dicas dos cuidados com a saúde bucal!
Como deve ser a higiene bucal da futura mamãe:

✔Comece com o fio dental;
✔Escolha o creme dental com sabores suaves para evitar enjoo;
✔Opte por uma escova macia ou extra-macia para evitar que a gengiva seja ferida;
✔Escove a língua usando pouco creme dental e tomando o cuidado ao chegar próximo a garganta para não causar enjoos;
✔Termine com o fio dental e enxaguante bucal sem álcool e sem sabores fortes.

As mamães que usam aparelho ortodôntico precisam ter mais cuidados com a higienização bucal, pois os aparelhos facilitam o acúmulo de restos de alimentos, favorecendo o aparecimento de bactérias que causam cáries e doenças da gengiva.

Essas gestantes deverão usar escovas especiais e fios dentais que passam entre os “ferrinhos” do aparelho. Pergunte ao seu ortodontista quais as escovas (como as interdentais) e os fios dentais mais indicados a você.

Diabetes e a saúde bucal

Diabetes e a saúde bucal

Os portadores de diabetes tem facilidade para desenvolver doenças bucais, as principais são: cáries e doenças periodontais.

O diabético é consciente da necessidade de cuidados especiais. O seu dentista precisa estar informado quando houver qualquer alteração em seu estado de saúde e medicamentos que estiver tomando, somente assim o profissional estará preparado para ajudá-lo da forma correta.

A prevenção das doenças na boca é basicamente: • Visitar regularmente o dentista deixando-o atualizado sobre as condições de seu diabetes;
• Controle de nível de glicose no sangue;
• Manter uma boa higiene oral diariamente;
• Fazer uma limpeza profissional pelo menos duas vezes ao ano.

Deve procurar urgentemente o dentista caso: • Sangramento da gengiva durante a escovação;
• Gengivas avermelhadas, flácidas ou sensíveis;
• Gengivas se afastando dos dentes;
• Mau hálito persistente;
• Pus entre os dentes e gengiva;
• Separação ou perda de algum dente.